Natal | E então é Natal | Tony Casanova

Entramos finalmente no mês de Dezembro, quase chegando o verão, sol pleno em quase todo Brasil e a tão esperada época de festas natalinas. Em todo planeta, ou quase todo ele, neste mês é comemorado o Nascimento do Menino Jesus e no mundo Ocidental, onde reina absoluto o capitalismo selvagem, deu-se um jeito de associar a ação dos Reis Magos, que na época presentaram Jesus com Incenso e Mira, com a tão famosa mania capitalista de presentear pessoas. Não sei ao certo no restante do mundo, mesmo porque cada povo comemora á sua maneira, mas no Brasil o Natal não é bem uma comemoração Cristã, apesar de já ter sido em tempos remotos, hoje porém poucos realmente sabem o porque o dia 25 de Dezembro é uma data tão especial. Obviamente estou abrindo espaço para exceções, só que no contexto geral, o povo brasileiro está mais dado ás festas carnais do que ao sentido espiritual do Natal. Após o seu nascimento, Jesus sempre teve em seus discípulos e seguidores uma grande família e por isso o Natal é uma comemoração para ser feita em família. É uma época de amor, de paz e harmonia, mas infelizmente hoje o que vemos são manifestações regadas a muita bebida, comida e presentes, como se lutássemos para agradar ao corpo e esquecêssemos dos espírito.  Na verdade a comilança, a bebedice e os oba-obas não servem para outra coisa senão como motivos para mergulharmos no infinito e perigoso mundo da carne. Uma das maiores lições que nos foi dada pelo Mestre deu-se quando Ele nos ensinou que alguém que nasceu como Filho único de Deus, seu primogênito, Rei dos Reis e Senhor dos Senhores que poderia ter nascido em berço de ouro e prata, cercado de joias e tesouros, preferiu nascer em uma manjedoura.  O mais marcante e importante nascimento de todas as gerações do mundo deu-se de forma simples, sem festas, sem oba-obas. Ninguém se reuniu para consumir álcool a noite inteira, destroçar perus, frangos, cheesters, cordeiros ou seja lá o que for. Ninguém ficou batucando e fazendo fanfarras, ao contrário disto todos oravam e agradeciam a vinda do seu Salvador. Século XXI, mundo moderno, era do consumismo e as pessoas se preparam para as festanças. Muitas preparam o corpo, mas esquecem o espírito. E muitos lamentarão porque não tiveram dinheiro para comprar presentes para todos os queridos, outros porque não puderam comprar as bebidas e comidas, outros porque não puderam trocar o carro, enfim tudo que o capitalismo proporciona. Na verdade passamos o ano inteiro pecando para nos arrependermos no final do ano, ou melhor, para pecarmos ainda mais. Há quem imagine, dentro da sua estranha fé que Jesus está feliz com tudo isto, enquanto isso o mundo está sendo tomado por devastações naturais, massacres, atentados, guerras e violência, mas lógico, nada disso tem a ver com o Natal não é mesmo. Vamos continuar fazendo a festa da carne, afinal quando o fim começar basta que a gente se arrependa e fica tudo certo. Sabe aquele negócio de saber o que é certo, mas fazer o que é errado? É o que acontece hoje. Nós do Projeto Roda Cultural rogamos a Deus para que tenha misericórdia de todos nós e que Ele possa nos conceder a graça da Salvação quando chegar o final dos tempos. Que a gente aprenda que Natal é festa do espírito e não da carne e que o melhor presente a ser dado é o amor. Desejamos a você leitor, leitora, um feliz Natal com muita paz, amor, saúde e harmonia. E então, é Natal.

   Texto do Escritor brasileiro Tony Casanova. Direitos Autorais reservados. Proibida a cópia, colagem, reprodução total ou parcial de qualquer espécie ou divulgação em qualquer meio sem autorização prévia e expressa do autor. A violação destes Direitos constitui-se em crime previsto nas Leis Brasileiras e Internacionais de Proteção aos Direitos Autorais e Propriedade Intelectual e está passiva de punição legal cabível de acordo com a Legislação em vigor.

.............................................................................................................

Christmas | And then it's Christmas. | Tony Casanova

Finally got in December, almost reaching the summer, full sun all over Brazil and the long-awaited time of Christmas holidays. Across the planet, or most of it, this month is celebrated the Birth of the Child Jesus and the Western world, where the wild capitalism reigns, there was a way to associate the action of the Magi, who at the time presentaram Jesus with Incense and Mira, with so famous capitalist craze of giving people. I'm not sure the rest of the world, if only because every nation celebrates to his way, but in Brazil Christmas is not really a Christian celebration, despite having already been in ancient times today but few really know why the 25th December is such a special date. I'm obviously making room for exceptions, only in the general context, the Brazilian people are given more ace parties carnal than spiritual Christmas sense. After his birth, Jesus always had on his disciples and followers a big family and so Christmas is a celebration to be made in family. It is a time of love, peace and harmony, but unfortunately today we see the manifestations are watered booze, food and gifts, as we fought to please the body and we forgot the spirit. In fact the gluttony, drunkenness and the oba-obas not serve for anything other than as reasons to dive into the infinite and dangerous world of the flesh. One of the biggest lessons given to us by the Master came when He taught us that someone who was born as the only Son of God, his firstborn, King of Kings and Lord of Lords who could have been born in cradle of gold and silver, surrounded by jewels and treasures, chose to be born in a manger. The most striking and important birth of all generations the world has given up simply, without parties, without oba-obas. No one met to consume alcohol all night, wreck turkeys, chickens, cheesters, lambs or whatever it is. No one was doing drumming and fanfare, unlike it all prayed and thanked the coming of their Savior. XXI century modern world, the era of consumerism and people prepare for bashes. Many prepare the body, but forget the spirit. And many will mourn because they had no money to buy gifts for all ones, others because they could not buy the drinks and food, others because they could not replace the car, in short everything that capitalism provides. Actually we spent the whole year sin to repent at the end of the year, or rather, we sin even more. Some imagine within their strange faith that Jesus is happy with all this, meanwhile the world is being taken for natural devastation, massacres, attacks, wars and violence, but of course, none of this has to do with Christmas is not the same . We will continue doing the feast of meat, after all when the order to get just that we regret and is all right. You know that business to know what is right, but to do what is wrong? This is what happens today. We design Cultural Wheel pray to God to have mercy on all of us and that He may grant us the grace of salvation when the end of time. We learn that Christmas is a holiday of the spirit and not the flesh and the best gift to be given is love. We wish you the reader, reader, a happy Christmas with peace, love, health and harmony. And then, it's Christmas.

   Text Brazilian writer Tony Casanova. Copyright reserved. The copying, collage, total or partial reproduction of any kind or dissemination in any medium without prior written permission of the author. Violation of these rights constitutes a crime under Brazilian law and the protection of the International Copyright and Intellectual Property and is passive legal punishment applicable according to the legislation in force.

.....................................................................................................................

Navidad | Y entonces es Navidad. | De Tony Casanova

Finalmente llegamos en diciembre, casi llegando el verano, a pleno sol todo Brasil y el tan esperado momento de las vacaciones de Navidad. Al otro lado del planeta, o la mayor parte, este mes se celebra el nacimiento del Niño Jesús y el mundo occidental, donde reina el capitalismo salvaje, había una forma de asociar la acción de los Reyes Magos, que en el presentaram tiempo Jesús con incienso y Mira, con tan famosa locura capitalista de darle a la gente. No estoy seguro de que el resto del mundo, aunque sólo sea porque toda nación celebra a su manera, pero en Brasil la Navidad no es realmente una celebración cristiana, a pesar de haber estado ya en la antigüedad hoy, pero pocos realmente saben por qué el 25 de Diciembre es una fecha tan especial. Yo, obviamente, estoy haciendo espacio para excepciones, sólo en el contexto general, el pueblo brasileño se dan más partes as carnales que el sentido de la Navidad espiritual. Después de su nacimiento, Jesús tuvo siempre a sus discípulos y seguidores de una gran familia y así la Navidad es una celebración que se hará en la familia. Es un tiempo de amor, paz y armonía, pero lamentablemente hoy vemos las manifestaciones se riegan bebida, comida y regalos, como hemos luchado para complacer al cuerpo y se nos olvidó el espíritu. De hecho, la gula, la embriaguez y las Oba-Obas no sirven para otra cosa que como razones para sumergirse en el mundo infinito y peligroso de la carne nada. Una de las mayores lecciones que nos ha dado el Maestro vino cuando Él nos enseñó que alguien que nació como el único Hijo de Dios, su primogénito, el Rey de Reyes y Señor de Señores que podía haber nacido en cuna de oro y plata, rodeado de joyas y tesoros, quiso nacer en un pesebre. El nacimiento más llamativo e importante de todas las generaciones, el mundo se ha dado por vencido, simplemente, sin partidos, sin oba-Obas. Nadie se reunió para consumir alcohol toda la noche, pavos, pollos, naufragio cheesters, corderos o lo que sea. Nadie estaba haciendo tambores y fanfarrias, a diferencia de todo oró y dio las gracias a la venida de su Salvador. Siglo XXI mundo moderno, la era del consumismo y la gente a prepararse para ese tipo de fiestas. Muchos preparar el cuerpo, pero se olvidan del espíritu. Y muchos se llorar porque no tenían dinero para comprar regalos para todos los queridos, otros porque no podían comprar las bebidas y la comida, otros porque no podían reemplazar el coche, en todo lo corto que el capitalismo ofrece. De hecho, nos pasamos todo el año pecado a arrepentirse al final del año, o más bien, pecamos aún más. Algunos imaginan dentro de su extraña fe que Jesús está contento con todo esto, mientras tanto el mundo está siendo tomado por la devastación natural, masacres, ataques, guerras y violencia, pero, por supuesto, nada de esto tiene que ver con la Navidad no es lo mismo . Vamos a seguir haciendo la fiesta de la carne, después de todo, cuando el fin de conseguir precisamente eso lamentamos y está bien. Usted sabe que el negocio para saber lo que está bien, pero hay que hacer lo que está mal? Esto es lo que sucede hoy en día. Diseñamos orar Rueda Cultural a Dios que tenga misericordia de todos nosotros y que Él nos conceda la gracia de la salvación cuando el fin de los tiempos. Nos enteramos de que la Navidad es una fiesta del espíritu y no la carne y el mejor regalo que dar es amor. Le deseamos el lector, lector, una Navidad feliz con la paz, el amor, la salud y la armonía. Y entonces, es Navidad.


   Texto escritor brasileño, Tony Casanova. Derechos de autor reservados. La copia, el collage, la reproducción total o parcial de cualquier tipo o difusión en cualquier medio sin permiso previo y por escrito del autor. La violación de estos derechos constituye un delito según la legislación brasileña y la protección de la Internacional de Autor y Propiedad Intelectual y es castigo legal pasiva aplicables según la legislación vigente.


 

Seguidores do Google