Sociedade | O que é convívio social? | Tony Casanova

   A Bíblia traz um trecho no Livro de Provérbios Capítulo 18 Versículo 24 em que está escrito: "O homem de muitos amigos deve mostrar-se amigável, mas há um amigo mais chegado do que um irmão."  É fato nos dias de hoje, em que poucas pessoas estão fora das redes sociais, existirem grupos distintos no convívio diário. São grupos onde estão nossa família, nossos colegas de trabalho, de escola, vizinhos e até mesmo pessoas que conhecemos na própria rede, mas com as quais nunca tivemos um convívio frente a frente. Se buscarmos o conceito da palavra social perceberemos que ela vem da ação de sociabilizar, viver em um grupo social, estar em uma sociedade comum.
  Óbvio que antes da chegada das redes sociais já existia este convívio, bem antes disso, mas não com a quantidade de pessoas que há hoje, mas em contrapartida, as pessoas parecem não estarem preocupadas com o conceito social e vivem em rede social como se estivessem na própria casa. Na internet há um confronto entre a tradição e a rebeldia moderna que prega a liberdade e não aceita regras. Diariamente são lançados novos costumes e hábitos  trazidos de uma espécie de mundo que parecia não existir, mas sempre esteve presente nos desejos guardados de muitos.  Mas no tocante a convivência social, mesmo em meio a tantos grupos, o percentual de sociabilidade é bastante reduzido infelizmente. A situação fica pior quando se trata da família, quando em muitos casos fala-se com um membro familiar na residência, mas nada se diz nas redes sociais, ou inverte-se a situação; fala-se nas redes sociais, mas em casa nada se diz.
   Há realmente amigos mais chegados que um irmão, apesar de que não deveria ser assim. Imaginemos que existem pessoas que ignoram a família por completo em redes sociais, mas nas mesmas redes encontra ali seu melhor amigo ou melhor amiga. Pessoas que sequer trocam um cumprimento, um bom dia, boa tarde ou boa noite que seja. A sociabilidade em rede resumiu-se a uma série de desabafos presentes nas postagens, nos comentários e afins. Há mesmo que só poste amarguradas, outros só ostentação, alguns fazem piadas, enfim tudo exceto uma sociabilização madura, coerente e produtiva. O nosso assunto tema é o convívio social  e é humanamente natural que despejemos nossas emoções e sentimentos nas redes, que desabafamos nossas dores, nossas perdas e conquistas, isto é a vida real, a nossa vida real, mas é preciso que saibamos que não podemos ter uma postura mórbida com aqueles que fazem parte do nosso rol de amigos. Existem pessoas que talvez por possuírem um alto deficit de atenção, busquem maior número de amigos apenas para suprir suas reservas de opções, mas não conseguem suprir a contento os apelos feitos pelos amigos que possui.
   Imagine uma família que possui ao seu alcance uma ferramenta tão importante quanto as redes sociais, desprezando-a e comunicando-se apenas com "amigos". Famílias que se abandonam no mundo virtual, que demonstram pouco se importar com seus entes, mas cujos perfis estão abarrotados de amigos com quem se relacionam. Por esta razão, digo-lhes que o versículo acima muito bem se aplica aos dias de hoje e com 100% de justiça.  Abaixo deixo outro Versículo presente no Livro de Provérbios 27 Versículo 10 que diz: "Não deixes o teu amigo, nem o amigo de teu pai; nem entres na casa de teu irmão no dia da tua adversidade; melhor é o vizinho perto do que o irmão longe.
  
     Texto do Escritor brasileiro Tony Casanova. Direitos Autorais reservados. Proibida a cópia, colagem, reprodução total ou parcial de qualquer espécie ou divulgação em qualquer meio sem autorização prévia e expressa do autor. A violação destes Direitos constitui-se em crime previsto nas Leis Brasileiras e Internacionais de Proteção aos Direitos Autorais e Propriedade Intelectual e está passiva de punição legal cabível de acordo com a Legislação em vigor.
......................................................................................................................

society | What is social life | Tony Casanova

  The Bible has a passage in the Book of Proverbs Chapter 18 verse 24 it is written: "The man of many friends must show himself friendly, but there is a friend closer than a brother." It is true these days, when few people are out of social networks, there are different groups in daily contact. Are groups which are our family, our co-workers, school, neighbors and even people we know in the network itself, but which had never been a front living forward. If we seek the concept of social word we realize that it comes from the socializing action, living in a social group, be in a common society.
  Obviously, before the arrival of social networks already existed this conviviality, well before that, but not with the amount of people there today, but on the other hand, people do not seem to be concerned with the social concept and live in social network as if they were at home. On the internet there is a clash between tradition and modern rebellion that preaches freedom and does not accept rules. Daily are brought launched new customs and habits of a kind of world that seemed to exist, but has always been present in stored desires of many. But with regard to social life, even among many groups, the sociability percentage is quite small unfortunately. The situation is worse when it comes to the family, when in many cases it comes with a family member in residence, but nothing is said on social networks, or reverses the situation; there is talk on social networks, but at home nothing is said.
   There are really close friends than a brother, although it should not be. Let us imagine that there are people who ignore family completely in social networks but on the same networks there is your best friend or best friend. People who do not even exchange a greeting, good morning, good afternoon or good evening to be. The network sociability boiled down to a series of outpourings present in posts, comments and the like. There are even just post embittered, others only ostentation, some make jokes, everything except a mature socialization, consistent and productive. Our subject matter is the social life and is humanly natural that despejemos our emotions and feelings in the networks, which desabafamos our sorrows, our losses and achievements, this is real life, our real life, but you need to know that we can not have a morbid attitude with those who are part of our list of friends. There are people who perhaps possess a high attention deficit, seek more friends only to meet their options reserves but can not meet the satisfaction appeals made by the friends you have.
   Imagine a family that has at hand a tool as important as social networks, despising it and communicating only with "friends." Families leave the virtual world, showing little care for their loved, but whose profiles are flush of friends with whom they relate. For this reason, I tell them that the above verse very well apply to today and 100% of justice. Below leave another Verse present in the Book of Proverbs 27 verse 10 which says: "Do not let your friend, or the friend of your father; neither go into thy brother's house in the day of thy calamity: better is a neighbor near the brother away. "
  
     Text Brazilian writer Tony Casanova. Copyright reserved. The copying, collage, total or partial reproduction of any kind or dissemination in any medium without the express prior permission of the author. Violation of these rights constitutes a crime under the Brazilian law and protection of the International Copyright and Intellectual Property and is passive legal punishment applicable according to the legislation in force.

...............................................................................................................

 la sociedad | ¿Qué es la vida social | tony Casanova

  La Biblia tiene un pasaje en el libro de Proverbios capítulo 18 versículo 24 está escrito: "El hombre de muchos amigos, ha de mostrarse amigo, pero hay un amigo más unido que un hermano." Es cierto en estos días, cuando pocas personas están fuera de las redes sociales, hay diferentes grupos en contacto diario. Son grupos que son nuestra familia, nuestros compañeros de trabajo, la escuela, vecinos e incluso gente que conocemos en la red en sí misma, pero que nunca habían estado viviendo un frente hacia adelante. Si buscamos el concepto de la palabra social, nos damos cuenta que se trata de la acción de socialización, que viven en un grupo social, sea en una sociedad común.
  Obviamente, antes de la llegada de las redes sociales ya existía esta convivencia, mucho antes de eso, pero no con la cantidad de gente que hay hoy en día, pero por otro lado, no parecen estar interesadas en el concepto social y vivir en una red social como si fueran personas en el hogar. En Internet hay un choque entre la tradición y la rebelión moderna que predica la libertad y no acepta las reglas. Todos los días se ponen en marcha nuevas costumbres y hábitos de un tipo de mundo que parecía existir, pero siempre ha estado presente en los deseos de muchos almacenados. Pero con respecto a la vida social, incluso entre muchos grupos, el porcentaje sociabilidad es bastante pequeña, por desgracia. La situación es peor cuando se trata de la familia, cuando en muchos casos se trata con un miembro de la familia en la residencia, pero nada se dice en las redes sociales, o revierte la situación; se habla en las redes sociales, pero en casa no se dice nada.
   Hay muy buenos amigos que un hermano, aunque no debería ser. Imaginemos que hay personas que ignoran completamente la familia en las redes sociales, sino en las mismas redes no es su mejor amigo o mejor amigo. Las personas que ni siquiera se intercambian un saludo, buenos días, buenas tardes o buenas noches sean. La sociabilidad red se reducía a una serie de emanaciones presentes en los mensajes, comentarios y similares. Hay incluso sólo mensaje amarga, otros sólo ostentación, algunos hacen chistes, todo excepto una socialización madura, coherente y productiva. Nuestro tema es la vida social y natural, es humanamente que despejemos nuestras emociones y sentimientos en las redes, que desabafamos nuestros dolores, nuestras pérdidas y logros, esto es la vida real, la vida real, pero lo que necesita saber que no podemos tener una actitud morbosa con aquellos que son parte de nuestra lista de amigos. Hay gente que quizás poseen un alto déficit de atención, buscan más amigos sólo para satisfacer sus reservas de opciones, pero no pueden cumplir con las apelaciones de satisfacción realizadas por los amigos que tiene.
   Imagínese una familia que tiene a mano una herramienta tan importante como las redes sociales, despreciando y que comuniquen únicamente con "amigos". Las familias dejan el mundo virtual, mostrando poca atención a sus seres, pero cuyos perfiles están al ras de amigos con los que se refieren. Por esta razón, les cuento que el verso anterior aplicar muy bien a día de hoy y el 100% de la justicia. A continuación dejar otro verso presente en el libro de Proverbios 27 versículo 10, que dice: "No deje que su amigo, o el amigo de su padre, ni entrar en la casa de tu hermano en el día de tu aflicción: Mejor es el vecino cerca de la hermano de distancia ".
  
     Texto escritor brasileño, Tony Casanova. Los derechos de autor reservados. La copia, el collage, la reproducción total o parcial de cualquier tipo o difusión en cualquier medio sin la previa autorización expresa del autor. La violación de estos derechos constituye un crimen bajo la ley brasileña y la protección de la Internacional de Autor y la Propiedad Intelectual y es castigo legal pasiva aplicables de acuerdo con la legislación vigente.

     

Seguidores do Google