Romulo Nétto | Escritor Brasileiro | Homenagem Póstuma | Tony Casanova

Romulo Nétto - Acervo Carlini e Caniato Editora
      “Escritores são aves que quando partem, deixam os rastros da sua arte no céu das nossas mentes” (Escritor Tony Casanova). Abro esta matéria com esta citação para prestar uma homenagem póstuma a um dos maiores nomes da literatura moderna em nossos tempos; o Escritor e Jornalista mineiro Romulo Nétto. O escritor nos deixou em Outubro de 2015, tendo falecido na cidade de Curitiba antes de completar 70 anos de idade. Os familiares cumpriram o desejo de Romulo Netto e lançaram suas cinzas no rio Paracatu, na cidade de mesmo nome, localizada em Minas Gerais.
   O escritor foi autor de mais de 20 livros, tendo lançado 14 deles na Editora Tanta Tinta (Carlini e Caniato Editorial) Eu tive a honrar de ser agraciado com algumas das suas obras através de sorteio realizado na Revista Biografia, do Também escritor Daufen Bach. Foram elas “Bom Dia Senhor Presidente” e “Cidades, Ciudades”. Poder ler uma obra do autor é simplesmente adentrar em seu universo particular, sua maneira singular e especial de expor suas paixões pelas Minas Gerais e pelo Brasil. Não obstante o fato de estar presente em algumas das mais importantes mídias jornalísticas do País, Nétto  não tinha pompas, era um homem simples e que não escondia seu orgulhos pela sua terra natal, tendo inclusive lançado algumas obras alusivas ao Estado mineiro.
...Abaixo deixarei a sinopse de algumas obras que li do autor e para saber mais sobre ele você encontra NESTE LINK

Bom Dia Senhor Presidente

Neste livro o autor nos põe em contato com as agruras de uma família de retirantes que sai do Polígono das Secas, atravessa dois estados e chega numa imaginária cidade chamada Mimoso – a maior e mais industrializada do também imaginário Pirambeiras. São treze dias de viagem, com narração entre sofrimento e poesia. Para um dos membros da família de Donabrina o destino reservava futuro brilhante: a presidência da República. Após ser engraxate, metalúrgico, deputado federal, três vezes candidato a presidente derrotado em sucessivas eleições, finalmente realiza seu sonho: é eleito presidente. Começa o pesadelo da população. Toma medidas que afetam principalmente os aposentados do serviço público. Dá início a uma roubalheira nunca antes vista no cenário político de Pirambeiras. Finalmente por não desejar apear do poder torna-se ditador. Um dia, porém, tem uma recaída e se olhando no espelho exclama: Bom-dia, senhor presidente! Esta inverossímil história é narrada, de pai para filho, pelos cachorros da família – Os Juca.

FICHA
Edição: 1ª
Data de Publicação: 2010
ISBN: 978-85-99146-91-0
Tamanho: 13,8 x 20,8 cm
Nº. de páginas: 80
Gênero: Romance
Editora: Carlini&Caniato Editorial






Cidades, Ciudades

O autor faz uma viagem por cidades que jamais conheceu, a não ser através da história, dos livros, jornais e revistas. Quase sempre são poemas que denunciam abusos contra seus naturais. Da criança queimada com o napalm em Trangbang, dos desmandos políticos em Brasília, dos horrores de Auschwitz.-Birkenau, entre tantos outros acontecimentos históricos. É na verdade o passeio histórico em que o autor conhece apenas as cidades de Belo Horizonte, Brasília, Cidade do México e San Juan Teotihuacan, mas levado pelas asas da literatura jornalística ou não através do mundo.

FICHA
Edição: 1ª
Data de Publicação: 2010
ISBN: 978-85-99146-92-7
Tamanho: 13,8 x 20,8 cm
Nº. de páginas: 128
Gênero: Contos
Editora: Carlini&Caniato Editorial






   Na sua partida, em 2015 Romulo Nétto , como todo bom mineiro, nos deixou aqui com saudades e foi fazer poesias no céu.

  Romulo Nétto 1945 + 2015

***Fontes de pesquisa para este texto: Acervo de fotos, biografia e sinopse




Seguidores do Google