Opinião - Uma carta para o Ministro.



Após ter assistido o Processo do Julgamento do Mensalão, fiquei imaginando o que o povo brasileiro escreveria a ele se pudesse mandar-lhe uma cartinha, surgiu então "Uma carta para o Ministro".


Excelentíssimo Sr. Ministro Joaquim Barbosa.

Devo parabenizá-lo pela exemplar atuação no exercício das suas funções públicas no Judiciário brasileiro. Digo-lhe que eu, assim como toda a população do País, inflo o peito em desmedido orgulho do seu trabalho e tamanha demonstração de honradez no cumprimento do dever. Seu caráter rigoroso e sua firmeza de posição durante o Julgamento do Processo do Mensalão trouxe para a população brasileira, a esperança de um Poder Judiciário forte, atuante e rigoroso, sem distinção de classes ou privilégio de status. Graças ao seu trabalho e por encontrar nas suas atitudes as respostas que esperava, o povo solidarizou-se e reverenciou seu símbolo maior; um magistrado intrépido e disposto a agir com os rigores legais, resgatando assim, a fé que havíamos perdido no Judiciário. Mais que um magistrado, o Sr representa uma bandeira que segue hasteada representando o povo e o poder, a justiça para todos e o caminho aberto para o fim da impunidade. Eis que hoje nos encontramos além do marco zero da justiça e voltamos a acreditar que o impune pode ser julgado e condenado sim, se houver interesse e ombridade, se houver ética e compromisso com um povo que anseia por justiça. Ficou clara sua posição durante o Julgamento do Processo do Mensalão, não só a sua, mas a de todos que dele participaram e por esta razão excelentíssimo Ministro Joaquim Barbosa, coube ao povo, com extrema satisfação e alegria, aplaudi-lo de pé, pela honra, pelo caráter, pela firmeza e coragem dos seus atos.
Certamente foi um passo pequeno, mas foi o passo pequeno de um gigante furioso. Certamente o passo mais esperado pela população do Brasil. Desta vez Sr Ministro, não foram os livros que me contaram, eu vi, eu assisti este marco da História do País e dele participei e participo. O povo brasileiro está sim do lado da justiça e do lado do Ministro Joaquim Barbosa, com certeza. Todos aqueles que desejam a justiça devem andar do seu lado e praticá-la, mas quem a justiça se opõe, jamais irá defendê-la ou defender aqueles que a defendem. Sua participação no referido processo serviu não só para que percebêssemos o brilhantismo do seu caráter pessoal e profissional, mas também para revelar aqueles que seguem do lado da justiça e dos seus defensores. Mais uma vez, parabéns Excelentíssimo Sr. Ministro Joaquim Barbosa, encerro esta com votos profundo apreço e admiração.


Saudações,

O povo brasileiro.


Texto de Tony Casanova - Direitos Autorais reservados ao autor.
Facebook - tony.casanova1
Twitter - prodacultural

Seguidores do Google